• HOME Notícias
  • Coronavírus: importação de material para diagnóstico

    IMPRIMIR

    14.2.2020

    Toda importação de material de natureza biológica humana destinado a diagnóstico deve ser autorizada pela Anvisa para fins de desembaraço aduaneiro. As modalidades permitidas são: remessa postal, remessa expressa e licenciamento de importação/Siscomex. Quando o caso exigir celeridade, o requerente deve optar pela modalidade de remessa expressa.

    Para priorização das amostras relacionadas ao coronavírus, a empresa de courier ou importador deverá informar o número do conhecimento de carga, data e ponto de entrada da mercadoria no país, por meio do endereço eletrônico gcpaf@anvisa.gov.br. No assunto, escrever: "Importação de amostra biológica - Coronavírus". Em caso de importação pelo Siscomex, é preciso informar o número da Licença de Importação (LI) e do processo de importação na Anvisa.

    A notícia completa foi publicada em 13/02/202 na página da Anvisa.

    Fonte Internet: Portal Siscomex, 13/02/2020